Policiais perseguiram criminosos que assaltaram amigos na Barra da Tijuca. Três homens armados também fizeram um arrastão em um ônibus do BRT.

A violência também assustou os moradores da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, na noite desta quinta-feira (21). Desta vez, houve perseguição e tiroteio e teve gente que acordou apavorada.

“Teve uma freada brusca. Depois, muito tiro, muito tiro mesmo. Muita polícia na contramão, fechando a rua. As pessoas dando ré. Morri de medo, foram uns 15 minutos de tiro. Muito tiro mesmo”, relatou um morador.

O tiroteio foi depois de uma perseguição pelas principais ruas do bairro. Dois amigos estavam saindo de um quiosque na Avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, e iam buscar os carros que estavam estacionados. No caminho, bandidos armados anunciaram o assalto.

Uma viatura da Polícia Militar que passava pelo local viu a ação dos criminosos e começou a perseguir os ladrões que fugiam nos carros roubados. A perseguição começou na Avenida das Américas e foi até o Recreio. Na altura da Avenida Salvador Allende, os policiais cercaram os bandidos com motos, mas eles não pararam.

Um dos carros com criminosos passou por cima de uma das motos da polícia. O PM que estava na moto não se feriu. Dois criminosos foram presos. Um deles estava ferido.

Arrastão no BRT

Esse não foi o único crime nesta madrugada na Barra da Tijuca. Por volta das 23h, três homens armados fizeram um arrastão em um ônibus do BRT que estava lotado e ia do terminal Alvorada para Madureira. Eles roubaram pelo menos 20 passageiros.

"Esses três indivíduos entraram no carro na estação aeroporto de Jacarepaguá. Eles estavam vindo lá de trás assaltando todo mundo. 'Me dá o celular, me dá o celular'. Um estava com uma pistola, os outros dois, com uma faca, e vieram limpando todo mundo, pegando o celular. O que a pessoa tinha na mão, na hora ali, eles estavam pegando. Virou normalidade", disse um dos passageiros.

Linha Vermelha é fechada para operação policial

Ainda na noite desta quinta-feira (20), a Linha Vermelha foi fechada para uma ocorrência policial. Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, a via foi completamente liberada por volta das 20h, e a PM seguiu no local fazendo uma operação. Esta foi a 16ª vez em 2017 que a Linha vermelha foi fechada devido à violência.

Uma delegada gravou um áudio, que a TV Globo teve acesso, informando que a 59ª DP (Duque de Caxias) estava sob ataque de criminosos – o que teria dado início à operação. Mais tarde, após a corporação negar o ataque, a mesma delegada gravou outra mensagem, corrigindo a informação.

Segundo ela, havia um tiroteio em comunidade próxima, entre policiais e criminosos, e pessoas assustadas entraram na delegacia dizendo havia um ataque à DP. "Essa informação foi equivocada, ela não procede", esclareceu a delegada.

Pacientes são assaltados em fila de hospital

Pacientes que estavam na fila do Instituto Estadual de Diabetes e Endocrinologia, no Centro do Rio, foram assaltados na manhã desta quinta-feira (20). Eles esperavam a abertura do hospital, por volta das 5h, quando criminosos chegaram em um carro.

As pessoas que estavam na fila disseram à equipe do Bom Dia Rio que os ladrões eram três homens e uma mulher. Eles renderam as vítimas e pediram carteiras e celulares. Chegaram a levar o cordão de uma menina e a mochila de outra criança, segundo relatos. Fonte: http://g1.globo.com

Chuva, chuva e chuva em Alagoas. No vídeo, imagens do inverno em Lagoa da Canoa/AL- Comunidade Capim - terra natal do Frei Petrônio de Miranda. CÂMERA: Plínio de Miranda, correspondente do Olhar em Alagoas. Comunidade Capim, Lagoa da Canoa-AL. 20 de julho-2017.

Apesar do clima na cidade nesta madrugada, que chegou a 8º, as pessoas que dormem em vias públicas e praças reclamam do tratamento de agentes públicos. A prefeitura de São Paulo informa que foram distribuídos edredons para proteger do frio.

Moradores de rua da região da Sé, em São Paulo, reclamam que funcionários que fazem a limpeza de praças e vias públicas jogam água em locais próximos de onde grupos de pessoas dormem. Apesar do frio, a reportagem da CBN identificou esta prática na manhã desta quarta-feira.

Eram 7h, e o termômetro da Praça da Sé marcava 12º, quando o caminhão da empresa terceirizada responsável pelo serviço começou a jogar jatos d'água nas calçadas, acordando quem dormia por lá. 

"Não dá nem tempo de levantar. Quando eles chegam, molham as coisas. Meu cobertor ficou encharcado. Sempre que isso acontece, a gente perde tudo", afirmou um morador de rua que não se identificou. 

O grupo também reclamou que as vans da administração municipal que transportam moradores para abrigos têm poucas vagas. Na noite de terça-feira, uma fila foi formada, mas, quando o veículo passou, apenas foram levadas cerca de 20 pessoas.

O prefeito regional da Sé, Eduardo Odloak, afirma que vai apurar o procedimento e que a orientação é para que as equipes sempre abordem os moradores de rua antes de começar a limpeza. 

A prefeitura de São Paulo anunciou que vai fazer duas distribuições emergenciais de cobertores nesta quarta-feira, às 16h e outra às 20h. Na terça-feira, foram entregues mil cobertores durante a noite. Fonte: http://cbn.globoradio.globo.com

Homem foi encontrado em Pinheiros e não tinha sinais de violência.

Um morador de rua foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (18), considerada a mais fria dos últimos quatro anos, em Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo. O corpo foi enviado ao Instituto Médico Legal (IML) sem sinais de violência e não há confirmação da causa da morte.

A capital paulista registrou a tarde mais fria desde 2013 com 10,2ºC no Mirante de Santana, Zona Norte, na terça-feira, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergência (CGE), da Prefeitura de São Paulo, a temperatura média da cidade foi de 9,3º. Nos últimos anos, a temperatura só não foi mais baixa do que a registrada na tarde de 24 de julho de 2013, com 8,6ºC.

À noite, a temperatura caiu ainda mais, chegando a 8,3ºC. Em algumas regiões, a sensação térmica chegou a zero grau, em razão do vento.

A Polícia Militar recebeu pelo telefone 190 a informação de que um corpo estava sobre a calçada do cruzamento entre a Rua Teodoro Sampaio e a Avenida Doutor Arnaldo. Ele não tinha sinais de violência, o que indica que pode ter sido vítima do frio que chegou à cidade na madrugada de terça. De acordo com a PM, o solicitante informou que o morador de rua estava imóvel no local desde às 6h.

Segundo a última pesquisa da Prefeitura e Fundação Fipe, de 2015, a cidade tem quase 16 mil moradores de rua. O prefeito João Doria afirma que o número chega atualmente a 25 mil. A Prefeitura afirma que oferece 11.800 vagas de acolhimento na cidade. Os abrigos registraram filas na terça-feira. As abordagens foram intensificadas pelas equipes de Assistência e Desenvolvimento Social durante o frio, segundo a prefeitura.

Cerca de mil cobertores seriam entregues nesta madrugada (19) às pessoas em situação de rua. A medida faz parte da Operação Baixas Temperaturas e ocorre paralelamente às abordagens da assistência social com a finalidade de encaminhar estas pessoas aos equipamentos municipais. A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social apontou a região central como prioritária por conta da demanda.

O prefeito João Doria afirmou no Twitter nesta quarta que a prefeitura está empenhada "em salvar vidas e amenizar o sofrimento das pessoas em vulnerabilidade nas ruas com o Programa Emergencial de Inverno".

Frio permanece

O frio permanece nesta quarta-feira (19) na capital paulista. As 31 estações do Centro de Gerenciamento de Emergências, da Prefeitura de São Paulo, registraram temperatura média de 9ºC. Em alguns bairros, a temperatura foi de 7ºC, casos de Parelheiros, Capela do Socorro e Jabaquara, na Zona Sul.

Segundo o Inmet, a máxima prevista para esta quarta é de 15ºC. Na quinta-feira (20), o frio perde força. Fonte: http://g1.globo.com

Polícia Civil registrou o caso como suicídio. O pai e o avô, o ex-presidente Getúlio Vargas, também tiraram a própria vida

RIO — Morreu, nesta segunda-feira, Getúlio Dornelles Vargas Neto, neto do ex-presidente Getúlio Vargas, aos 61 anos. O corpo do advogado, um dos fundadores do Partido Democrático Trabalhista (PDT), foi encontrado em seu apartamento, no bairro Moinhos do Vento, região nobre da capital gaúcha. A Polícia Civil afirma que Dornelles cometeu suicídio. Ele repetiu o gesto do pai, Maneco Vargas, e do avô Getúlio Vargas, ex-presidente da República, que se mataram com um tiro no peito.

Ao lado do corpo de Getúlio foi encontrado um bilhete de despedida para a família, segundo a delegada da 2ª Delegacia de Homicídios de Porto Alegre, assim como seu avô, que também deixou uma carta escrita a lápis, em 1954, quando se matou com um tiro no peito, no dia 24 de agosto de 1954, no Palácio do Catete, então sede do governo federal.

O corpo do advogado foi encontrado por um funcionária que trabalha para a família nesta segunda. Getúlio atirou contra a própria cabeça.

A delegada disse que a Polícia Civil não tem dúvidas de que o caso se trata de um suicídio, no entanto, vai instaurar um inquérito e ouvir testemunhas, como de praxe. Getúlio Vargas Neto morava com uma filha, que estava em viagem. O corpo foi encaminhado, no início da tarde desta segunda, ao Departamento Médico Legal (DML).

GETÚLIO VARGAS NETO: O POLÍTICO

Há seis anos, O GLOBO publicou uma reportagem que relatava a volta de Getúlio Neto, ex-pedetista, ao cenário político. Em 2011, aos 55 anos, Getúlio voltou ao Rio de Janeiro para oficializar sua filiação ao PPS. Na época, especulava-se que Getúlio pretendia suceder Eduardo Paes na prefeitura do Rio.

— Para vereador não teria muito problema, embora não seja muito a minha praia. Eu me vejo muito mais no Executivo que no Legislativo. Mas quem disse que tem que ser agora? Por que não posso ficar três anos visitando o estado inteiro e sair candidato a governador? — disse ao GLOBO à época.

A carreira política do neto do ex-presidente Getúlio Vargas começou em 1986, com a fundação do PDT e com a campanha a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). O sonho de se tornar deputado estadual, no entanto, não prosperou. Getúlio não foi eleito. Com a derrota, deixou de lado a política e se dedicou a carreira de advogado. Fonte: https://oglobo.globo.com

Cléber de Castro Xavier Júnior, Cabo da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, lotado no 20° BPM (Mesquita), faria 28 anos amanhã, dia 16/07/2017, tinha acabado de comprar seu apartamento e estava se preparando pra casar, mas infelizmente, a guerra civil em que vivemos, ceifou sua vida, numa tentativa de assalto ontem a noite no Grajaú.

Xavier estava estudando para sair da polícia, mas não deu tempo. Filho único, deixa uma família desolada e destruída, além de amigos despedaçados e uma noiva sem chão. Não existem palavras que possam amenizar esta dor latejante. Só nos resta pedir a Deus q console a todos nós e preencha essa brecha, que mais parece um poço sem fundo.

1° CPA - 6° BPM

Prévia de ocorrência com policial militar: o CB PM CLEBER DE CASTRO XAVIER JÚNIOR, lotado na 1° UPP/15° BPM, trafegava com o veículo Chevrolet Cruze, de placa KOZ 5545, de cor branca, pela rua Júlio Furtado, no bairro do Grajaú, Apol de maré 6, quando foi surpreendido por dois marginais em uma motocicleta Yamaha XT 660 que tentaram roubar o veículo que conduzia. Houve reação por parte do policial, o qual alvejou fatalmente um dos marginais que veio a falecer no local, tendo, porém, sido atingido por Daf's também. O policial foi socorrido ao hospital Souza Aguiar mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. Fonte: Facebook.

BOM DIA, BOA TARDE, BOA NOITE! No Brasil dos Políticos Corruptos e da Justiça INJUSTA, vamos sonhar juntos com um novo dia? (Às 18h - AO VIVO - 7ª Noite da Novena de Nossa Senhora do Carmo no Olhar). 

Um vídeo divulgado pela Polícia Civil mostra como foi a ação de bandidos que terminou com um médico baleado no Túnel Rebouças, na manhã desta quarta-feira, 12. As imagens, no entanto, não mostram o momento que André Schelemm Guedes, de 47 anos, foi atingido.

No vídeo, quatro bandidos armados em duas motos fecham o trânsito no túnel. Eles abordam os motoristas de quatro carros e fogem. Segundo informações do Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE), o médico foi atingido na primeira galeria, quando tentou fugir. Esse momento, no entanto, não aparece no vídeo.

Ele foi atingido no peito e levado para o Hospital municipal Miguel Couto, na Gávea, e depois foi transferido para o Hospital Copa D'Or. Cunhado de Andre, o cirurgião dentista Gustavo Dias, de 37 anos, disse que médico está em estado estável.

TESTEMUNHA RELATA PÂNICO

Uma jovem que estava a cerca de 200 metros do local onde o médico foi baleado contou os momentos de pânico que passou no túnel:

— O trânsito estava andando quando, de repente, eu ouço dois tiros e duas motos (com dois ocupantes em cada uma) começam a andar na contramão, com os carros ainda em movimento. Na mesma hora o trânsito parou, várias pessoas com medo começaram a sair dos seus carros abaixadas e assustadas, correndo ou andando na contramão também.

Ela disse que saiu do carro e ficou abaixada por cerca de dez minutos. Até que uma moto da Guarda Municipal e policiais começaram a chegar ao local.

VIOLÊNCIA NO NOEL ROSA

Na terça-feira, outro caso de violência foi registrado em um túnel do Rio. Um homem foi baleado numa tentativa de assalto quando passava pelo túnel que liga os bairros de Vila Isabel e Riachuelo, na Zona Norte do Rio. Segundo a PM, Anderson Goulart, de 32 anos, foi levado para o Hospital municipal Souza Aguiar, no Centro, mas, de acordo com a Secretaria municipal de Saúde, ele deixou a unidade sozinho, antes de receber alta dos médicos. Familiares, no entanto, afirmam que ele deu entrada no Hospital Salgado Filho, no Méier, onde permanece internado. Fonte: https://extra.globo.com Rio de Janeiro, 13 de julho-2017. www.olharjornalistico.com.br

6º DIA DA NOVENA DE NOSSA SENHORA DO CARMO NA LAPA/RJ

Um incêndio terminou com a morte de pai e filho em cidade Tiradentes, na zona leste da capital paulista, na noite deste sábado (8).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, Cleriano José da Silva, 31, teria planejado a própria morte e a do filho dele, de cinco anos. Segundo o boletim da polícia que relata a ocorrência, o suspeito se enrolou junto ao filho num colchonete banhado de combustível e ateou fogo.

O crime ocorreu numa casa da rua Salvia. As labaredas se alastraram rapidamente e causaram graves queimaduras nos corpos de pai e filho. A criança chegou a ser socorrida ainda com vida do local e foi levada às pressas para a unidade do Hospital Santa Marcelina na região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ainda durante o atendimento.

Antes de cometer o crime, Cleriano pegou o filho na casa da ex-mulher, por volta do meio-dia deste sábado. Ele teria que devolver o garoto à mãe por volta das 16h. Como não cumpriu o combinado, a ex-mulher acionou a polícia. Uma equipe da PM foi até a residência de Cleriano e encontrou o local fechado e com as luzes apagadas.

Após algumas tentativas frustradas em estabelecer uma comunicação com o suspeito, os militares resolveram arrombar a casa. Nesse instante, segundo a SSP, ouviu-se uma forte explosão.

No trabalho de resgate, dois policiais militares se feriram. A dupla, ainda de acordo com a pasta da segurança, foi medicada e passa bem. Pai e filho foram encontrados com os corpos queimados na garagem da residência. A perícia feita pelo Instituto de Criminalística no local constatou que foi usado um combustível, sem especificar o tipo do produto, para produzir o incêndio.

Os crimes cometidos foram registrados no 49º DP (São Mateus) como homicídio qualificado, explosão, lesão corporal e suicídio. A polícia não soube informar se Cleriano da Silva tinha ficha criminal. A Polícia Civil vai investigar as circunstâncias que levaram o homem a cometer o incêndio. Fonte: https://luiscardoso.com.br

Caso ocorreu em Campo Grande e Bryan estava internado no Rocha Faria; onde deu entrada na madrugada deste domingo em estado gravíssimo

Rio - A violência no estado vitimou mais uma criança neste fim de semana. Bryan Eduardo Mercês, de apenas seis anos, foi baleado por volta de meia-noite após uma briga de trânsito na Estrada do Campinho esquina com a Estrada de Inhoaíba, em Campo Grande, Zona Oeste. Ele foi internado neste domingo no Hospital Rocha Faria, em Campo Grande, e não resistiu.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o menino deu entrada na unidade em estado gravíssimo. Ele passou por cirurgia, mas teve uma parada cardiorrespiratória por volta das 17h, quando estava sendo transferido para o CTI pediátrico do Hospital Albert Schweitzer.

Segundo o tio da vítima, o mecânico e voluntário da patrulha aérea civil, Edmilson dos Santos, 37 anos, Bryan estava junto com sua irmã, Jullyene Vitória Mercês, de 3 anos, dentro do carro do pai e da mãe. A menina também foi ferida.

"Todos voltavam para casa por volta de meia-noite. Meu primo (pai de Bryan) me relatou que o sinal estava parado e um homem estava se irritando por ele não avançar. Houve uma discussão e, quando o sinal abriu,o homem, que estava num gol branco, colocou o braço para fora do veículo e saiu atirando contra o carro do meu primo", contou Edmilson.

Segundo informações de familiares, a bala atravessou o tórax de Bryan e ele chegou a ter os dois pulmões perfurados. A Secretaria de Saúde informou que, desde sua internação, Bryan estava muito instável.

O pai, Christian Lopes da Cruz, registrou o caso na 35ª DP (Campo Grande). Nos últimos 10 dias, três crianças foram baleadas e uma morta. Fonte: http://odia.ig.com.br

Dupla tentou roubar a carga de um caminhão em Praia Grande, no litoral paulista. As vítimas reagiram e agrediram os suspeitos.

Dois jovens foram presos em flagrante ao tentar roubar a carga de um caminhão em Praia Grande, no litoral de São Paulo, na noite desta quinta-feira (6). As vítimas reagiram e agrediram a dupla, que foi presa. Na delegacia, a mãe de um dos suspeitos quis registrar um boletim de ocorrência em favor do filho, por conta da agressão. O delegado se recusou.

O crime ocorreu na Rua Gastão de Souza Oliveira, no bairro Quietude. O veículo era descarregado quando a dupla, identificada como Erick Thadeu Pariz de Oliveira, de 23 anos, e Gregory Perciliano de Jesus, de 20, abordou um dos empregados da firma. Com um revólver, eles anunciaram o assalto.

Outros funcionários da empresa notaram o ocorrido e reagiram, segundo a Polícia Civil. Houve uma luta corporal até que os dois suspeitos fossem imobilizados e desarmados. A Polícia Militar foi acionada e uma equipe conseguiu prender os dois rapazes em flagrante no local.

A arma que eles utilizavam era falsa e foi apreendida. Encaminhados à delegacia, ambos foram autuados em flagrante por roubo pelo delegado Alexandre Comin. Durante o registro da ocorrência, os policiais foram surpreendidos pela a chegada de familiares de um dos suspeitos.

Entre eles estava a mãe de Gregory, que queria registrar um boletim de ocorrência de lesão corporal contra as pessoas que agrediram seu filho. "Eu expliquei que não registraria, pois as vítimas do roubo estavam em legítima defesa e agiram com respaldo da lei", informou o delegado.

O caso foi registrado na Delegacia Sede da cidade e segue em investigação. A dupla presa foi encaminhada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para realizar curativos nos ferimentos, e depois levada para a Cadeia Pública. As vítimas da tentativa de roubo não se feriram com gravidade e passam bem. Fonte: http://g1.globo.com

OLHAR DO DIA: Frei Raul Maravi, O.Carm e Frei Benny, O. Carm. Conselheiros Gerais da Ordem do Carmo-de Roma-em visita ao Convento do Carmo da Lapa, Rio de Janeiro. 

Vítimas foram assaltadas em assentamento de Sidrolândia. Ladrão foi preso pela PRF, na BR-163, a caminho do Paraguai. Um dos suspeitos fugiu.

Dois assaltantes invadiram um convento na noite de segunda-feira (3), em Sidrolândia, a 64 quilômetros de Campo Grande, renderam cinco freiras, entre 31 e 71 anos, e roubaram uma caminhonete. O veículo foi recuperado pela polícia em Dourados, na região sul de Mato Grosso do Sul, a caminho do Paraguai. As vítimas foram socorridas e um dos ladrões conseguiu fugir.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 20h30 (de MS), os assaltantes encapuzados invadiram a residência localizada em um assentamento rural. As religiosas foram ameaçadas com uma arma de fogo e trancadas no banheiro.

Os ladrões reviraram o imóvel a procura de objetos de valor, um deles fugiu com uma caminhonete, enquanto o outro ficou no local monitorando as vítimas.

A caminhonete roubada foi parada em uma abordagem de rotina pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-163. Ao ser entrevistado, o motorista de 25 anos entrou em contradição, levantando suspeita e acabou confessando o crime.

Outra equipe da PRF foi acionada para libertar as vítimas do cativeiro. Bastante assustadas, as freiras foram levadas à Delegacia de Polícia Civil para prestar depoimento, na sequência foram liberadas para voltar para casa.

O veículo e o rapaz preso vão ser encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Sidrolândia, onde o caso vai ser registrado. Fonte: http://www.jornalcorreioms.com

Segundo o instituto, mínima foi registrada em estação na Região Centro-Sul entre 6h e 7h, com sensação térmica de -9°C.

Na manhã desta quarta-feira (4), Belo Horizonte registrou a menor temperatura dos últimos 42 anos, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O termômetro marcou a mínima de 6,1°C na Estação Meteorológica da Mata do Cercadinho, na Região Centro-Sul da capital mineira, entre 6h e 7h.

Conforme o Departamento de Meteorologia da Cemig, que analisa dados do Inmet, foi também a menor temperatura entre as capitais brasileiras. O instituto informa que o recorde de frio em Belo Horizonte foi no inverno de 1975, quando os termômetros marcaram 5,4°C em 7 de julho daquele ano.

Segundo o meteorologista Luiz Ladeia, a sensação térmica – temperatura sentida em virtude da combinação entre temperatura do ar, velocidade e umidade do vento – foi abaixo de zero, ficando em - 9°C na Estação Cercadinho. Mas para sentir este frio, é preciso estar ao ar livre e sem proteção. No horário, entre 6h e 7h, os ventos eram de 50 km/h.

A temperatura máxima prevista para esta terça-feira é de 19°C.

A madrugada anterior já havia sido gelada na capital mineira com mínima de 8,9°C e sensação termina de - 5°C, conforme dados do Inmet.

O frio é resultado de uma massa de ar polar que está atuando sobre o Sudeste do país. “A gente está observando que a massa polar está muito ativa. Deve perder a partir de quinta-feira, mas o frio continua”, disse Ladeia.

Para esta quarta-feira (5), a mínima deve ser de 6 °C e a máxima de 19 °C, conforme o meteorologista. Fonte: http://g1.globo.com